Edgar

Campeonato Brasileiro: São Paulo empata mais uma e acumula cinco jogos sem vencer.

Publicado em ESPORTES
Quinta, 13 Junho 2019 23:12

Na última partida antes da parada no calendário do futebol brasileiro para a disputa da Copa América, o Atlético deixou escapar a vitória e saiu do G4 do Campeonato Brasileiro. O time alvinegro abriu o placar sobre o São Paulo, no Independência, mas cedeu o empate para o Tricolor Paulista e ficou no 1 a 1, nesta quinta-feira, pela nona rodada.

Titular no comando de ataque, Alerrandro fez valer a boa fase mostrada nos últimos jogos e abriu o placar para o Atlético no fim do primeiro tempo após intervenção do árbitro de vídeo. Cazares cobrou escanteio, Igor Rabello subiu mais que o marcador e cabeceou para o meio da área. Toró tentou afastar, mas errou o chute e a bola sobrou para o atacante alvinegro, que dominou, driblou o jogador do São Paulo e bateu no canto.

O auxiliar anulou o gol alegando impedimento de Alerrandro. No entanto, o VAR chamou Leandro Pedro Vuaden. Após rever o lance no monitor, o árbitro entendeu que Toró cometeu um erro técnico ao furar o chute e dar um leve desvio na bola. Assim, o jogador do São Paulo deu passe para o camisa 44 atleticano, o que anularia a posição de impedimento.

Mas, na etapa final, o Atlético vacilou na defesa e permitiu o empate do São Paulo aos 27 minutos com Alexandre Pato. O meia Nenê avançou pela esquerda, puxou para o meio e tocou para o camisa 7, que dominou já driblando Réver e batendo forte no canto de Victor.

O Atlético teve bom volume de jogo e chegou a acertar duas bolas na trave: em uma cabeçada de Réver e em um chute cruzado de Cazares. O time alvinegro também parou no goleiro Tiago Volpi, que fez uma bela defesa em uma bomba de fora da área de Chará.

Com o resultado, o Atlético saiu do G4 e caiu para o quinto lugar no Brasileirão, com 16 pontos, mesma pontuação do quarto colocado Internacional, que está à frente no saldo de gols: 5 contra 3. O time, que havia vencido os três jogos que tinha feito no Independência – Avaí, Flamengo e CSA –, perdeu os 100% de aproveitamento no estádio na competição. Já o São Paulo, que não vence há sete jogos, caiu para o nono lugar, com 14 pontos.

Agora, o elenco do Atlético terá dez dias de folga e volta aos treinos no dia 24 de junho para iniciar a preparação para o próximo compromisso do time, que será o clássico contra o Cruzeiro, no Mineirão, pelo duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O confronto está pré-agendado para 10 de julho.

Pelo Brasileirão, o Galo volta a campo diante da Chapecoense, na Arena Condá. Como a CBF ainda não desmembrou a tabela, a partida está pré-marcada para o fim de semana dos dias 13 e 14 de julho.

multi coisas
shalom 2
anuncie aqui 3
anuncie aqui 4

OBS Comunicações